Acupuntura no Brasil

A acupuntura no Brasil, como em muitos outros países, acompanhou o histórico das migrações de profissionais que dominam essa técnica dos países orientais, onde é uma medicina tradicional reconhecida, e o processo de legitimação enquanto prática de saúde e profissionalização, ou melhor a regulamentação jurídica de prática e processo de ensino aprendizagem formal e a demanda da população por tal forma de atendimento.[1][2]

Alguns autores associam a origem da acupuntura no Brasil à práticas indígenas e tradicionais como a escarificação indígena, as sangrias dos barbeiros e aplicação de ventosas da medicina do período imperial, e/ou à marcos específicos da imigração chinesa (1812, com a autorização de D. João VI para entrada de 2.000 chineses destinados às plantações experimentais de chá do Jardim Botânico e da Fazenda Imperial de Santa Cruz, no Rio de Janeiro) e japonesa (1908, a chegada do navio Kasato Maru trazendo os primeiros imigrantes para o Brasil, após a crise do final do Período Feudal no Japão – 1895). Já a regulamentação do processo de ensino – aprendizagem da acupuntura no Brasil tem como marco 1958: a fundação da Sociedade Brasileira de Acupuntura e Medicina Oriental e o curso ministrado pelo fisioterapeuta e massoterapeuta Friedrich Johann Spaeth, natural Luxemburgo com aprendizagem de acupuntura na Alemanha.[3][4]


58 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Logo-+-selo-branco.png
© Editora Zen - Todos os direitos reservados
CNPJ 24.386.026/0001-88
Telefone/Whatsapp: 21 99661-0586 
Email: vendas@editorazen.com.br
  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube ícone social
PEDIDOS Loja Virtual: o prazo de entrega é de no mínimo 8 dias úteis para as capitais.